Brasil vence Espanha e conquista o tetra da Copa das Confederações Reviewed by Momizat on . No duelo mais aguardado da competição, Brasil e Espanha decidiram a Copa das Confederações neste domingo (30), no Maracanã, com o Brasil conquistando o tetracam No duelo mais aguardado da competição, Brasil e Espanha decidiram a Copa das Confederações neste domingo (30), no Maracanã, com o Brasil conquistando o tetracam Rating:
Você está aqui:Home » Destaques » Brasil vence Espanha e conquista o tetra da Copa das Confederações

Brasil vence Espanha e conquista o tetra da Copa das Confederações

No duelo mais aguardado da competição, Brasil e Espanha decidiram a Copa das Confederações neste domingo (30), no Maracanã, com o Brasil conquistando o tetracampeonato da competição ao vencer os atuais campeões mundiais por 3 a 0.

Imagem: Divulgação

Imagem: Divulgação

A esta conquista, se juntam os títulos conquistados nos anos de 1997, 2005 e 2009 pelos brasileiros na Copa, evento-teste para a Copa do Mundo de 2014.

 

Logo no primeiro minuto de partida, Fred abriu o placar para o Brasil. Após cruzamento na área, o atacante do Fluminense aproveitou a confusão na área para tocar na bola e colocá-la no fundo das redes de Casillas.

 

O Brasil tocava a bola e criava chances no começo da partida. Aos ouito minutos, Oscar recebeu de Fred e tentou o chute, que passou muito peto do gol espanhol.

 

Fernando Torres, aos 19, arriscou de cabeça, mas a bola foi pela linha de fundo. O Brasil respondeu com Hulk, que recebeu de Neymar, mas bateu sem sucesso para fora.

 

A grande chance espanhola foi aos 40 minutos, quando Mata deixou a bola para Pedro, que arriscou o chute após driblar Júlio César, mas David Luiz chegou em cima da linha para o corte.

 

Aos 44, Neymar aumentou a vantagem brasileira, após troca de passes com Oscar, ele bateu forte e Casillas não conseguiu a defesa.

 

Fred, na primeira jogada do segundo tempo, aumentou a vantagem brasileira na partida, batendo de fora da área no canto do gol de Casillas. 

 

O Brasil dominava a partida, mas a Espanha teve pênalti marcado a seu favor aos nove minutos, quando David Luiz derrubou Jesús Navas na área. Sergio Ramos bateu, mas mandou para fora.

 

Neymar lançou Hulk aos 13, o atacante do Zenit-RUS tentou bater por cobertura, mas Casillas conseguiu o corte e a defesa espanhola afastou o perigo logo depois.

 

A Espanha tentava pressionar, mas sofria com a marcação imposta pelos brasileiros. Aos 22 minutos, Piqué fez falta em contra-ataque do Brasil e levou o cartão vermelho.

 

De falta, Neymar arriscou e a bola foi por cima do gol. O Brasil continuava a controlar o ritmo da partida, tentando se arriscar nos erros da seleção espanhola.

 

Aos 34 minutos, Pedro dominou na área e bateu cruzado para a defesa de Júlio César. A pressão espanhola seguia, conseguindo ficar com a bola, sem ter chances de bater para o gol.

Nos minutos finais, o Brasil tocou a bola para garantir o título da competição.

 

Ficha Técnica

 

Brasil 3 x 0 Espanha

 

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ);

 

Árbitro: Bjorn Kuipers (Holanda);

 

Brasil: Júlio César; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho (Hernanes) e Oscar; Hulk (Jadson), Fred (Jô) e Neymar.
Técnico: Luiz Felipe Scolari.

 

Espanha: Casillas; Arbeloa (Azpillicueta), Sérgio Ramos, Piqué e Jordi Alba; Busquets, Xavi, Iniesta e Mata (Jesús Navas); Pedro e Fernando Torres (David Villa).
Técnico: Vicente Del Bosque.

 

Gol: Fred (BRA) a 1, Neymar (BRA) aos 45 do primeiro tempo, Fred (BRA) a 1 do segundo tempo

 

CA: Sergio Ramos e Arbeloa (ESP)

CV: Piqué (ESP)

© 2013-2016 - Arquibancada Online - Proibida a Reprodução Total ou Parcial sem Divulgar a Fonte.