Em jogo com invasão de cachorro, Botafogo vence Náutico e recupera ponta Reviewed by Momizat on . [caption id="attachment_1678" align="alignleft" width="300"] Imagem: DIvulgação[/caption] O Botafogo conseguiu se recuperar de um primeiro tempo apático neste s [caption id="attachment_1678" align="alignleft" width="300"] Imagem: DIvulgação[/caption] O Botafogo conseguiu se recuperar de um primeiro tempo apático neste s Rating:
Você está aqui:Home » CAMPEONATO CARIOCA » Botafogo » Em jogo com invasão de cachorro, Botafogo vence Náutico e recupera ponta

Em jogo com invasão de cachorro, Botafogo vence Náutico e recupera ponta

Imagem: DIvulgação

Imagem: DIvulgação

O Botafogo conseguiu se recuperar de um primeiro tempo apático neste sábado para vencer o Náutico por 2 a 0 e sair de campo com a liderança provisória do Campeonato Brasileiro. Em São Januário, o time de Oswaldo de Oliveira conseguiu o triunfo com gols de Elias e Renato, ambos no segundo tempo, e deixou o rival pernambucano na última colocação da tabela. A partida, válida pela oitava rodada da competição, ainda foi marcada pela invasão de um cachorro em campo.

A vitória recoloca o Botafogo provisoriamente na primeira posição do Brasileiro. A equipe alvinegra chega aos 16 pontos e supera, provisoriamente, Coritiba e Vitória, que atuam pela oitava rodada no domingo. Já o Náutico segue estacionado nos quatro pontos, na última colocação do campeonato.

Depois de um primeiro tempo muito fraco em São Januário, Oswaldo Oliveira mexeu no Botafogo no intervalo, sacando Vitinho para colocar Elias em campo. E foi justamente o suplente quem abriu o placar da partida aos 4min: ele recebeu passe de Rafael Marques após boa jogada pela direita e tocou na saída do goleiro Ricardo Berna.

Instantes depois, o jogo foi interrompido em São Januário por uma invasão inusitada no gramado: um cachorro, com coleira, entrou no gramado. O animal só saiu de campo depois que Rodrigo Souto pegá-lo no colo e colocá-lo atrás das placas de publicidade – coube, então, a funcionários da CBF novamente pegarem o cão.

Imagem: Celso Pupo/ Fotoarena

Imagem: Celso Pupo/ Fotoarena

A paralisação não esfriou a partida, que continuou aberta e com boas chances para as duas equipes. O Náutico chegou a assustar com Jones Carioca, mas Jefferson fez boa defesa aos 8min para manter o Botafogo em vantagem. Os alvinegros responderam aos 16min, com um chute de Dória no travessão.

O Botafogo continuou mais perigoso do que o Náutico e conseguiu aumentar a vantagem aos 32min: o meia uruguaio Nicolás Lodeiro cruzou na área e o volante Renato apareceu bem para desviar e fechar o placar em São Januário.

O Botafogo volta a campo na quarta-feira, pela Copa do Brasil, para encarar o Figueirense no Estádio Orlando Scarpelli. Pelo Brasileiro, o compromisso será no domingo, às 18h30 (de Brasília), contra o Flamengo no Maracanã. No mesmo dia, mas às 16h, o Náutico enfrenta o Inter na Arena Pernambuco.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 0 NÁUTICO

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Data/Hora: 20/07/2013 – 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Fabio Pereira (TO) e Marcia Bezerra Lopes Caetano (RO)
Público/Renda: 6.567 presentes/R$ 147.970,00
Cartões Amarelos: Gilberto, Lodeiro (BOT) e Maranhão (NAU)
Cartões Vermelhos: Não houve.

Gols: Elias 4’/2°T, Renato 32’/2°T

BOTAFOGO: Jefferson, Gilberto (Edilson 35’/2°T), Bolívar, Dória e Julio Cesar; Gabriel, Renato, Vitinho (Elias – intervalo), Seedorf (Lucas 40’/2°T) e Lodeiro; Rafael Marques – Técnico: Oswaldo de Oliveira.

NÁUTICO: Ricardo Berna, Auremir, Jean Rolt, William Alves e Eltinho; Elicarlos (Maranhão 26’/2°T), Derley, Rodrigo Souto (Hugo 28’/2°T)e Marcos Vinícius (Oliveira 17’/2°T); Rogério e Jones Carioca. Técnico: Zé Teodoro.

© 2013-2016 - Arquibancada Online - Proibida a Reprodução Total ou Parcial sem Divulgar a Fonte.