Flamengo vence a primeira no Brasileirão Reviewed by Momizat on . [caption id="attachment_1373" align="alignleft" width="269"] Imagem: Divulgação[/caption] O Flamengo enfim conseguiu a primeira vitória no Campeonato Brasileiro [caption id="attachment_1373" align="alignleft" width="269"] Imagem: Divulgação[/caption] O Flamengo enfim conseguiu a primeira vitória no Campeonato Brasileiro Rating:
Você está aqui:Home » CAMPEONATO CARIOCA » Flamengo vence a primeira no Brasileirão

Flamengo vence a primeira no Brasileirão

Imagem: Divulgação

Imagem: Divulgação

O Flamengo enfim conseguiu a primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Na tarde deste sábado, diante do Criciúma, no Estádio Heriberto Hülse, o Rubro-Negro conseguiu vencer por 3 a 0, com dois gols do meia Gabriel (um, inclusive, olímpico) e outro de Hernane. Foi a primeira partida sem o técnico Jorginho. O comando ficou de forma interina com Jaime de Almeida.

O JOGO

O técnico interino Jaime de Almeida fez mudanças significativas no time titular do Flamengo. As saídas de Renato Santos e Luiz Antonio, para as entradas de Samir e Diego Silva, respectivamente, deram uma nova cara à equipe diante de um Criciúma perigoso dentro de seus domínios.

Quem criou a primeira chance de gol foi o Criciúma, logo aos quatro minutos do primeiro tempo. Giancarlo recebe a bola e arrisca, obrigando o goleiro Felipe se esforçar para defender. De outro lado, o Flamengo criou a primeira chance aos nove, em chute de Paulinho, com o goleiro Bruno fazendo boa defesa.

Aos 15 minutos, Fabinho e Elias são personagens de um intenso bate-boca. O jogador do Criciúma acabou agredindo o volante do Flamengo com a cabeça. O auxiliar assinalou o lance para o árbitro, que acabou expulsando de forma direta o atleta catarinense. Com um a mais, o Rubro-Negro começou a levar vantagem e criar mais perigo.

Tanto que o Flamengo conseguiu chegar ao primeiro gol aos 37 minutos. Elias achou Hernane em boa posição dentro da grande área, que girou o corpo, bateu e marcou. Foi o 16º gol do Brocador na temporada, restando 14 para chegar à meta que ele mesmo fixou. Oportunidades até o fim do ano provavelmente ele terá, resta ver se conseguirá marcar.

No segundo tempo, o Criciúma começou até tentando o empate mesmo com um jogador a menos, mas teve seus objetivos frustados aos sete minutos da etapa final com o segundo gol do Flamengo. Em boa jogada, a bola sobrou para o meia Gabriel que não teve trabalho de estufar as redes, gol muito comemorado por todos os rubro-negros.

O Criciúma tentou três vezes seguidas diminuir o placar. Aos 16 minutos, Daniel Carvalho arriscou, mas não conseguiu. Aos 20, foi a vez de Elton tentar, mas Felipe fez boa defesa. E aos 23, Marlon fez boa jogada pela esquerda, mas Samir tirou o perigo na frente do gol.

Destaque do Flamengo na partida, o meia Gabriel fechou a vitória para o Rubro-Negro por 3 a 0 aos 33 minutos do segundo tempo em um lance polêmico. O jovem jogador cobrou escanteio de forma fechada, da esquerda, e Bruno tirou a bola, que passou completamente pela linha do gol. Inicialmente, o árbitro não marcou o tento, mas após consulta ao auxiliar, assinalou o gol olímpico, garantindo a primeira vitória do Flamengo na competição.

FICHA TÉCNICA

CRICIÚMA 0 X 3 FLAMENGO

Estádio: Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)

Data/hora: 8/6/2013 – 18h30 (de Brasília)

Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)

Auxiliares: Ivan Carlos Bohn (PR) e Adson Marcio Lopes Leal (BA)

Cartões amarelos: Diego Silva e Adryan (FLA)

Cartões vermelhos: Fabinho 16’/1ºT (CRI)

GOLS: Hernane 37’/1ºT (0-1), Gabriel 7’/2ºT (0-2) e Gabriel 33’/2ºT (0-3)

CRICIÚMA: Bruno, Pacheco (Ivo 10’/2ºT), Matheus Ferraz, Ewerton Páscoa e Marlon (Gilson 35’/2ºT); Serginho, Elton e João Vitor; Lins, Giancarlo (Daniel Carvalho intervalo) e Fabinho. Técnico: Vadão.

FLAMENGO: Felipe, Léo Moura, Samir, Wallace e João Paulo; Diego Silva, Elias (Val 41’/2ºT), Gabriel e Carlos Eduardo (Adryan 15’/2ºT); Paulinho e Hernane. Técnico (interino): Jaime de Almeida.

© 2013-2016 - Arquibancada Online - Proibida a Reprodução Total ou Parcial sem Divulgar a Fonte.