Hernane brilha no fim e Flamengo vence o Fluminense Reviewed by Momizat on . [caption id="attachment_2493" align="alignleft" width="250"] Imagem: Nelson Perez / Fluminense F.C. / CP[/caption] Imagem Destacada: Guilherme Pinto/Agência O G [caption id="attachment_2493" align="alignleft" width="250"] Imagem: Nelson Perez / Fluminense F.C. / CP[/caption] Imagem Destacada: Guilherme Pinto/Agência O G Rating: 0
Você está aqui:Home » CAMPEONATO BRASILEIRO » Hernane brilha no fim e Flamengo vence o Fluminense

Hernane brilha no fim e Flamengo vence o Fluminense

Hernane brilha no fim e Flamengo vence o Fluminense
Imagem:  Nelson Perez / Fluminense F.C. / CP

Imagem: Nelson Perez / Fluminense F.C. / CP

Imagem Destacada: Guilherme Pinto/Agência O Globo

O Flamengo mostrou que está em boa fase e venceu por 1 a 0 o clássico contra o Fluminense, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. Com o resultado, os rubro-negros chegaram a 44 pontos e ficaram muito próximos de escapar de vez de qualquer risco de rebaixamento. Já os tricolores seguem com 36 e só estão fora da zona da degola pelos critérios de desempate.

O primeiro foi muito movimentado, com as duas equipes buscando o gol a todo momento. No entanto, os goleiros apareceram bem para garantir a igualdade. Já na etapa final, o ritmo diminuiu e os lances de perigo praticamente não aconteceram. Somente nos minutos finais, o clássico esquentou e os rubro-negros chegaram a vitória com Hernane, aos 44 minutos.

Na próxima rodada, o Fluminense terá pela frente o Corinthians, no domingo, fora de casa. Já o Flamengo terá dois jogos contra o Goiás no Maracanã. O primeiro, quarta-feira, pela Copa do Brasil. No domingo, o compromisso será pelo Campeonato Brasileiro.

O jogo

O clássico começou movimentado, com as duas equipes buscando o ataque. No entanto, o primeiro lance de perigo aconteceu somente aos nove minutos. Após cruzamento, Hernane subiu com Leandro Euzébio, mas viu o zagueiro tirar o perigo. Já o Fluminense teve sua primeira chance aos 16, com Biro Biro, em chute que parou em boa defesa de Paulo Victor.

O lance animou a partida e os rubro-negros chegaram novamente aos 17 minutos. Digão cruzou rasteiro pela direita e viu Hernane se antecipar a zaga, mas finalizar na rede pelo lado de fora. Só que os tricolores responderam seis minutos depois, em chute de longe de Jean que obrigou Paulo Victor a espalmar. Antes de Rafael Sóbis pegar o rebote, o goleiro flamenguista conseguiu segurar a bola.

Na parte final, o duelo ficou equilibrado, sem muitas chances de gol. O Fluminense teve a última oportunidade de ir para o intervalo a frente no placar aos 40 minutos. Rafael Sóbis chutou cruzado e Paulo Victor apenas torceu vendo a bola indo para fora.

No segundo tempo, o Flamengo quase abriu o marcador com quatro minutos. Rafinha cruzou pela direita e Hernane, dentro da pequena área, finalizou por cima do travessão de Diego Cavalieri.

Só que depois disso, a partida caiu de rendimento. As duas equipes passaram a errar muito no setor ofensivo, levando a pior sobre as defesas. Assim, as jogadas de perigo param de acontecer. Somente aos 35 minutos, o Fluminense quase abriu o placar, em chute de longe de Rafinha que passou perto do gol de Paulo Victor.

O lance animou os tricolores, que criaram nova oportunidade aos 38 minutos. Após cobrança de escanteio, Gum escorou, mas Leandro Euzébio não chegou a tempo de tocar para a rede. Nos minutos finais, o Fluminense se lançou ao ataque, mas em um contra-ataque, o Flamengo chegou a vitória. Aos 44 minutos, Rafinha cruzou pela direita e Hernane apareceu para tocar para o gol e dar números finais ao clássico.

FICHA TÉCNICA:
FLAMENGO 1 X 0 FLUMINENSE

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 3 de novembro de 2013, domingo
Hora: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (RS) e Rafael da Silva Alves (RS)
Renda: R$ 1.215.305,00
Público: 26.072 pagantes
Cartões amarelos: Rafinha (Flamengo); Edinho (Fluminense)
GOL: Hernane, aos 44min do segundo tempo

FLAMENGO: Paulo Victor, Digão, Marcos González, Wallace e Frauches; Amaral, Luiz Antônio, Carlos Eduardo (Adryan) e Gabriel (Bruninho); Rafinha e Hernane (Diego Silva)
Técnico: Jayme de Almeida

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno (Rafinha), Gum, Leandro Euzébio e Anderson; Edinho, Diguinho (Igor Julião) e Jean; Biro Biro, Samuel (Marcelinho) e Rafael Sóbis
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

 

© 2013-2016 - Arquibancada Online - Proibida a Reprodução Total ou Parcial sem Divulgar a Fonte.