Joias da base do Vasco saem do clube com acordo amigável e podem jogar em Portugal Reviewed by Momizat on . Com mais de 10 anos de Vasco da Gama, os irmãos Matheus e Lucas se despediram do clube esta semana.O atacante Matheus Alves, do sub-15, e seu irmão Lucas Alves, Com mais de 10 anos de Vasco da Gama, os irmãos Matheus e Lucas se despediram do clube esta semana.O atacante Matheus Alves, do sub-15, e seu irmão Lucas Alves, Rating:
Você está aqui:Home » CAMPEONATO CARIOCA » Joias da base do Vasco saem do clube com acordo amigável e podem jogar em Portugal

Joias da base do Vasco saem do clube com acordo amigável e podem jogar em Portugal

Com mais de 10 anos de Vasco da Gama, os irmãos Matheus e Lucas se despediram do clube esta semana.O atacante Matheus Alves, do sub-15, e seu irmão Lucas Alves, do sub-17, tidos como destaques das categorias do Vasco, procuraram o clubes através de seus representantes e optaram por um acordo para liberação de ambos, o que foi prontamente atendido pelo departamento de futebol amador do Vasco. Ambos receberam propostas de clubes da Europa com chance de jogar e continuar nos estudos. Portugal é o destino mais provável, mais precisamente, o Sporting de Portugal.

O atacante Matheus com mais de 100 gols marcados pelo Gigante da Colina, e tido como uma das maiores promessas da geração 98 vascaína, a mais vencedora da base do clube, fala da nova experiência.

“Agradeço muito ao Vasco da Gama. Aqui passei quase toda a minha vida. Mas todo jogador sonha jogar na Europa, e comigo não é diferente. Poder atuar com os melhores e quem saber um dia, ser convocado para a seleção brasileira. Num primeiro instante acho que a chance de vida para mim e meu irmão foi o que pesou. O pessoal do Vasco claro que pensou um pouco mas em momento algum nos prejudicaram. Quero muito agradecer a maneira como se comportaram com a gente. Amo este clube, amo as pessoas ali dentro e quero voltar”, comentou o atacante.

O lateral direito Lucas Alves foi mais um a comentar sua saída.

“Agradeço muito ao Vasco e a todos no clube que sempre me abraçaram. É uma experiência nova na minha vida, e espero que, concretizado, tudo der certo. Estou saindo, mas meu coração permanece no Vasco. Espero um dia poder voltar a este clube o qual passei a maior parte da vida. Quero agradecer deste comissão técnica até os seguranças e faxineiros. É uma família e me emociono ao lembrar de tudo que vivemos ali”,encerrou o lateral.

A situação de ambos deve ser fechada até semana que vem. A Gym Sport, que cuida dos interesses dos dois, espera a reabertura dos trabalhos dos clubes na Europa, parado por conta da copa das Confederações, para que ambos sigam seus caminhos.

© 2013-2016 - Arquibancada Online - Proibida a Reprodução Total ou Parcial sem Divulgar a Fonte.