Sul-africano surpreende e quebra recorde mundial Reviewed by Momizat on . [caption id="attachment_4643" align="alignright" width="300"] Getty Images/Richard Heathcote[/caption] Nos 400m rasos masculino, uma grande surpresa. Azarão na [caption id="attachment_4643" align="alignright" width="300"] Getty Images/Richard Heathcote[/caption] Nos 400m rasos masculino, uma grande surpresa. Azarão na Rating: 0
Você está aqui:Home » Destaques » Sul-africano surpreende e quebra recorde mundial

Sul-africano surpreende e quebra recorde mundial

Sul-africano surpreende e quebra recorde mundial
Getty Images/Richard Heathcote

Getty Images/Richard Heathcote

Nos 400m rasos masculino, uma grande surpresa. Azarão na final, o sul-africano Wayde Van Niekerk atropelou os favoritos e ganhou o ouro com 43s03, batendo também o recordo mundial da prova, que pertencia ao americano Michael Johnson e havia sido estabelecido em 1999.

“Cheguei a me sentir estranho tão sozinho à frente, cheguei a me perguntar o que estava acontecendo. (Johnson) é um cara que sempre foi uma inspiração para mim. É simplesmente inacreditável conseguir isso logo em minha primeira ediçao Olímpica”, comentou o sul-africano.

A medalha de prata da prova ficou com Kirani James, de Granada, ouro em Londres 2012, que fechou a prova em 43s76 e o bronze foi para o americano Lashawn Merritt, que detinha o melhor tempo do ano, com 43s85.

No salto triplo feminino, festa foi da Colômbia, que viu a bicampeã mundial Caterine Ibarguen levar seu primeiro ouro Olímpico com a marca de 15m17.

“Conquistar esse ouro era o meu maior sonho. Estou muito feliz por ser a primeira colombiana campeão Olímpica no salto triplo”, disse Ibarguen, que ganhou a prata na prova nos Jogos Londres 2012.

A prata também foi para uma sul-americana, a venezuelana Yulimar Rojas, que saltou 14m98, enquanto a cazaque Olga Rypakova completou o pódio com o bronze após marcar 14m74.

© 2013-2016 - Arquibancada Online - Proibida a Reprodução Total ou Parcial sem Divulgar a Fonte.