PERNAMBUCANO: Santa Cruz vence o Sport e é tricampeão estadual Reviewed by Momizat on . [caption id="attachment_1101" align="alignleft" width="300"] Imagem: Divulgação[/caption] E pela terceira vez consecutiva o Santa Cruz é campeão Pernambucano em [caption id="attachment_1101" align="alignleft" width="300"] Imagem: Divulgação[/caption] E pela terceira vez consecutiva o Santa Cruz é campeão Pernambucano em Rating:
Você está aqui:Home » Destaques » PERNAMBUCANO: Santa Cruz vence o Sport e é tricampeão estadual

PERNAMBUCANO: Santa Cruz vence o Sport e é tricampeão estadual

Imagem: Divulgação

Imagem: Divulgação

E pela terceira vez consecutiva o Santa Cruz é campeão Pernambucano em cima do Sport. O Cobra Coral podia até empatar que já conquistava o estadual, mas fez mais, batendo o Sport por 2 a 0, nesse domingo, às 16 horas, na Ilha do Retiro, estádio do rival. Os gols do título foram marcados por Flávio Caça-Rato, que depois seria expulso e por Sandro Manuel. Essa foi a 27ª conquista do estadual do Tricolor.

O jogo começou com as duas equipes se estudando. Jogando em casa e precisando do resultado, o Sport se arriscava mais e parava no goleiro Tiago Cardoso, do Santa Cruz, que não deixava passar nada. Aos 25 minutos, veio o balde de água fira para a torcida do Leão. Raul lançou Flávio Caça-Rato, que driblou o goleiro Magrão e abriu o placar para o Cobra Coral.

 

Precisando reverter o resultado, o Sport acordou na partida e criou boas alternativas. Porém, não contava com a belíssima exibição do goleiro do Santa Cruz, que fez três belas defesas, mantendo os visitantes na frente do placar. No fim do primeiro tempo, Flávio Caça-Rato foi de herói para vilão. O atacante levou o segundo cartão amarelo e foi expulso.

 

Com um a mais o Sport se lançou ao ataque, chegando a abrir mão de um zagueiro para colocar um meia, mas de nada adiantou. A equipe pressionava a defesa do Santa Cruz, mas não criou chances tão agudas como na primeira etapa. Precisando fazer três gols, o time sentia a pressão e abusou dos lançamentos na área, o que facilitou o trabalho da zaga, que tirou todas.

 

No final da partida, o Sport atacava de forma desorganizada, o que deixava muitos espaços para o contra-ataque do Santa Cruz. Em um deles, o Cobra Coral ampliou o placar. Aos 41 minutos, Sandro Manuel invadiu a área, passou por Tobi e chutou no ângulo de Magrão, que não tinha o que fazer. Esse foi o ponto final na decisão, que culminou com o 27º título do Santa Cruz.

Local

Ilha do Retiro Recife
Árbitro
Gilberto Castro Júnior

Assistentes
Clóvis Amaral e Ricardo Chianca

Cartões Amarelos

Sport:Maurício
Santa Cruz:Tiago Costa, Raul, Everton Sena, Flávio Caça-Rato
Cartões Vermelhos
Santa Cruz:Flávio Caça-Rato
Gols
Santa Cruz: Flávio Caça-Rato 25′ 1T, Sandro Manoel 41′ 2T
Sport

Magrão;
Cicinho (Moacir), Maurício (Mateus Lima), Gabriel e Reinaldo;
Tobi, Rithely, Lucas Lima e Felipe Menezes (Érico Júnior);
Marcos Aurélio e Felipe Azevedo

Técnico: Sérgio Guedes

Santa Cruz

Tiago Cardoso;
Everton Sena (Nininha), William Alves, Renan Fonseca e Tiago Costa;
Anderson Pedra, Luciano Fonseca, Renatinho (Tozo) e Raul;
Flávio Caça-Rato e Dênis Marques (Sandro Manoel)

Técnico: Marcelo Martelotte

 

ELETROSHOPPING

 

© 2013-2016 - Arquibancada Online - Proibida a Reprodução Total ou Parcial sem Divulgar a Fonte.