Vasco empata com o Corinthians no Pacaembu Reviewed by Momizat on . [caption id="attachment_2621" align="alignleft" width="300"] Imagem: Divulgação[/caption] Imagem destacada: esporte.ig.com.br De volta ao Pacaembu e com o iníci [caption id="attachment_2621" align="alignleft" width="300"] Imagem: Divulgação[/caption] Imagem destacada: esporte.ig.com.br De volta ao Pacaembu e com o iníci Rating: 0
Você está aqui:Home » CAMPEONATO BRASILEIRO » Vasco empata com o Corinthians no Pacaembu

Vasco empata com o Corinthians no Pacaembu

Vasco empata com o Corinthians no Pacaembu
Imagem: Divulgação

Imagem: Divulgação

Imagem destacada: esporte.ig.com.br

De volta ao Pacaembu e com o início do adeus de Tite, o Corinthians conquistou mais um empate para a sua coleção, o 30º do ano. O zero a zero dentro de casa praticamente acabou com o sonho da Libertadores no Parque São Jorge. Para o Vasco, apesar de somar um ponto jogando fora, o resultado não ajudou na luta para continuar na Série A. Com 38 pontos, o time de Adilson Batista segue na zona de rebaixamento.

Precisando muito de vitórias nesta reta final do Brasileirão, a equipe do Rio de Janeiro, sem Juninho, não foi bem nesta tarde de domingo em São Paulo. Com gritos de “Fica, Tite”, o Corinthians jogou melhor a maior parte da partida, principalmente na primeira etapa, com boa atuação de Renato Augusto, em sua volta ao time. Mas ninguém conseguiu marcar.

A vitória do Fluminense, que marcou no finalzinho, no Maracanã, contra o São Paulo, complicou ainda mais o Vasco, que ficou mais longe de uma vaga fora do Z-4. O Bahia, o primeiro da zona de rebaixamento, ainda vai jogar neste domingo, contra o já rebaixado Náutico, em Pernambuco.

O jogo

O primeiro tempo foi inteiro do Corinthians, ou de Renato Augusto. Jogando como atacante, ele participou de quase todos os lances perigosos do clube paulista e quase marcou o seu. Aos 17 minutos, o camisa número 8 desviou um cruzamento de Paulo André e a bola passou muito perto do gol vascaíno. Aos 23, recebeu pela esquerda, levou para o meio e arriscou o chute, mas a bola subiu demais e foi pela linha de fundo.

Pouco depois, Renato recebeu um lançamento do zagueiro Gil, deu de três dedos para o meio da área, mas Romarinho não conseguiu alcançar o passe. Ele ainda fez uma tabelinha, no lance seguinte, com o 31 corintiano, chutou forte, mas a bola passou à direita do gol de Alessandro. O Vasco só assistiu.

Sem Alessandro, que sentiu dores na coxa direita logo no início do primeiro tempo e foi substituído por Igor, o Corinthians retornou igual para os últimos 45 minutos no Pacaembu, assim como o time de Adilson Batista. O clube carioca voltou dando a impressão de que iria pressionar a equipe de Tite, mas durou pouco tempo. Tentando sair da zona de rebaixamento, o Vasco quase não deu trabalho para Walter.

Logo aos 10, Emerson fez ótima jogada pela direita, invadiu a área e bateu cruzado, mas ninguém chegou para empurrar a bola para dentro do gol. O jogo ficou mais frio no meio do segundo tempo. O próximo lance mais emocionante foi acontecer aos 29, quando Danilo, que entrou no lugar de Renato Augusto, arriscou de longe, mas a bola passou à esquerda de Alessandro. Com poucas chances para o Vasco, o jogo terminou empatado.

Os últimos três desafios do Corinthians no ano são contra Flamengo, Internacional e Náutico. A despedida do técnico Tite vai acontecer na penúltima rodada, contra a equipe gaúcha, única partida em casa. O clube alvinegro já começou a preparar uma grande festa para o adeus do treinador.

Na luta pela permanência na Série A, o Vasco vai ter um difícil fim de campeonato. A próxima batalha vai ser contra o campeão Cruzeiro, no Rio de Janeiro. Em seguida, também em casa, o time de Adilson Batista recebe o já rebaixado Náutico. Na última partida do Brasileirão, a equipe ainda pega o Atlético-PR, hoje vice líder da competição e finalista da Copa do Brasil, junto do Flamengo.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 x 0 VASCO DA GAMA

Data:17 de novembro de 2013, domingo

Horário:17h (horário de Brasília)

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Cartões amarelos: Douglas e Emerson (COR); Guiñazu (VAS).

CORINTHIANS: Walter, Edenilson, Gil, Paulo André e Alessandro (Igor); Ralf, Guilherme (Rodriguinho), Douglas, Romarinho; Emerson e Renato Augusto (Danilo). Técnico: Tite

VASCO: Alessandro; Renato Silva, Cris e Luan; Fagner, Abuda, Guiñazu, Wendel (Francismar) e Yotún; Marlone (Thalles) e Edmílson. Técnico: Adilson Batista


© 2013-2016 - Arquibancada Online - Proibida a Reprodução Total ou Parcial sem Divulgar a Fonte.